VIRGEM BEATA SANTA CATARINA

 

 

Virgem Beata Santa Catarina, São Jorge e São Salomão,

chegaram em casa de Adão e Eva em Jerusalém e encontraram 100 mil homens,

todos bravos e ferozes como leões.

Os abrandaram, amansaram e hão de abrandar e amansar os corações dos meus inimigos.

Homens, cães, leões e tudo que me quiser mal.

Com os vossos poderes que fizeram tremer a Terra, correr o Sol,

correr a Lua, tremer as estrelas e que só não tremeu o nosso Pai verdadeiro.

E por esta prece milagrosa de minha Virgem Beata Santa Catarina, São Jorge e São Salomão.

Eu vos peço e rogo humildemente à três pessoas distintas,

Santa Catarina, São Jorge e São Salomão.

Que não temerei na frente e no meio dos meus inimigos.

Só tremerão eles quando me virem.

E se tiverem armas de fogo, entre o cão e a espoleta está Deus verdadeiro.

E entre eu e as armas dos meus inimigos estão Santa Catarina, São Jorge e São Salomão.

Se forem armas de fogo, não darão fogo não darão fogo.

Se forem facas, entortarão no ar.

Se forem paus, virarão ciscos pelo chão.

Se tiverem pernas não me alcançarão.

Se tiverem braços não me ofenderão.

Se tiverem olhos não me verão.

E se tiverem forças para orações fortes, não me amarrarão.

E com o Manto Sagrado de minha Virgem Beata Santa Catarina,

a espada de São Jorge,  os milagres de São Salomão e as três velas da virgem Santa Maria,

que são uma adiante, uma atrás e a outra em minha companhia.

Não me verão, e não me ofenderão.

E fiquem amarrados como cordeiros, como boi na canga, como cavalo no cabresto.

E que tantos os homens como qualquer vivente.

Que fiquem cravados e acorrentados, como foi nosso Senhor na Santa Cruz.

E com o leite da Virgem Santa Maria serei borrifado.

Com o sangue de nosso Senhor serei batizado.

Com as armas de São Jorge serei armado.

Na Arca de Noé serei embarcado.

E com as chaves de São Pedro serei trancado para sempre.

 

Amém Jesus, Maria e José.

 

 

(Esta oração é excelente para cortar corrente negativa de inimigos encarnados e desencarnados

ou qualquer outra espécie de agressor).

 

OBS:     ESTA  ORAÇÃO  FOI  CEDIDA  EM  RIBEIRÃO  PRETO  EM  1º  DE  AGOSTO  DE  1912.

 

 

Voltar